para joana e maurício

Joana Poole,

você me ganhou em seu nome forte. Um nome que combina perfeitamente com suas metáforas, com suas atitudes corajosas e sua paixão por Maurício. 
Decidida, mesmo que isso nem sempre se resulte em alguma atitude. Sincera, mesmo que omita algumas coisas por trás de uma face com dúvida. Mulher, no sentido mais abstrato da palavra.
Sua força e sua feminilidade, sempre juntas e sempre separadas, me mostraram o quanto você é marcante.

E fui marcado da maneira mais forte possível por sua personalidade.

Com teu ardor,
Andre.


 

“Matar nunca foi a intenção.
Quem morre não sofre.”


 

Maurício Duarte, 

você é mesmo real. Não há o que discutir. Senti sua indecisão em cada correspondência que violei e me perguntei, por várias e várias vezes, se não havia sido eu o mentor de todas as suas palavras. 
Te entendi. Sei como é se apaixonar e idealizar um romance com pessoas que nem sempre estão disponíveis ou que estão por perto, mas sentem um receio em se entregar. E, quando se entregam, o receio se transfere a outra pessoa. A pessoa nós. Fracos, lentos.
Também escrevi cartas por esse motivo, com tentativas, cobranças e sentimentos fortes. Entendi sua poesia sofrida. Te entendi. Porque você é o resultado de todos os lirismos desses papéis.

Te entendi.

Entendo.
Andre.


 

“Eu quero dizer adeus,
mas meus dedos não me permitem.”


 

Joana e Maurício são dois jovens apaixonados, mas que encontram alguns empecilhos no relacionamento. Ou vários empecilhos para que ocorra de fato um relacionamento.

Para começar, os sobrenomes não se conectam para aquela sociedade. De diferentes classes sociais, o simples Duarte dele não parece combinar com o imponente Poole dela.
Estas realidades diferentes também se manifestam de outra maneira: o nome de Maurício aparece nos jornais após furtar literatura.
A guerra, que acontece nos fundos dessa história, também pode atrapalhar o casal. Ele pode acabar sendo convocado para a luta ou serem alvos deste conflito. Não que já não sejam vítimas…
Joana também é comprometida. De uma maneira torta (principalmente para o leitor, que sabe bem pouco sobre esta relação), mas comprometida com outro homem.

Porém, há algo que os conecta. A poesia, usada para combater todos esses problemas. É a poesia a principal ponte entre os dois, que mal podem se encostar pelas ruas. Através de cartas, todas reunidas por Igraínne Marques numa publicação da Editora Buriti, os personagens expõem seus medos, anseios, vontades e, sobretudo, a paixão de um pelo outro. Paixão que edifica, mas também destrói.


 

“Eu me abri como um livro prestes a ser lido,
há mais sobre mim em minhas cartas
do que me minha própria casa.”


 

Unidos pelos opostos, Joana e Maurício tentam se entender, mas acabam criando mais e mais dúvidas sobre a relação. Não é possível ignorar este casal, um dos mais interessantes que já li.

Até porque toda a estrutura da narrativa é bastante notável. A guerra não é nomeada, a escrita rebuscada divide espaço com palavras simples, e com tempos difíceis com muito da atualidade, apesar das cartas serem elementos considerados clássicos, hoje em dia. A escrita poética ainda completa o clima, permitindo mais de uma interpretação e criando espaços na linha temporal, pois nem mesmo as palavras conseguem conter este casal.

E nunca serão o bastante para os leitores, que precisarão refletir, pausar, engolir e sentir cada momento. SENTIR.


 

tumblr_inline_nnnaq3vpfy1rzaxsl_540joana e maurício – igraínne marques – editora buriti – 160 páginas

em 140 caracteres… uma história de amor crua e consistente, apesar das entrelinhas e dos espaços propositalmente vagos.
um livro para… se encantar com a escrita e se comover com os personagens.
combina com… bebida, papel e caneta: tudo ao mesmo tempo, para liberar a verdade em forma de poesia.
para quem já leu… um abracinho, para se recuperar do desfecho desolador.

 

Livro lido pela edição digital independente, antes da publicação física pela editora.

 

Andre esconde verdades em poesias.

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s